Com estima de 400 participantes, XIV Congresso Nacional Brasileiro de Fomento Comercial foi um sucesso

Nos dias 17 e 18 de outubro, São Paulo recebeu o XIV Congresso Nacional Brasileiro de Fomento Comercial de 2019, realizado pela ANFAC – Associação Nacional de Fomento Comercial, em parceria com ANESC – Associação Nacional de Empresas Simples de Crédito, sob os olhares atentos de associados e empresários. Os conferencistas trouxeram informações enriquecedoras que mostram como o setor vem se transformando e sendo impactado pela rapidez em que as mudanças tecnológicas avançam no mundo dos negócios, sempre enfatizando o papel cada vez mais destacado que o fomento comercial desempenha na economia brasileira.

O evento, que acontece a cada dois anos, nesta edição tratou da “Inovação e Tecnologia” com palestrantes de vários setores. A solenidade de abertura do congresso foi na noite do dia 17 de outubro, com saudação de Luiz Lemos Leite, presidente da ANFAC e ANESC, em um coquetel realizado no Hotel Tivoli Mofarrej, que fez os agradecimentos aos empresários, conselheiros, presidentes dos SINFACs, ao Diretor Administrativo e Financeiro, ao Consultor Jurídico, mas principalmente, aos patrocinadores e funcionários da ANFAC que tanto contribuíram para realização do XIV Congresso Nacional Brasileiro de Fomento Comercial.

Na primeira palestra do Congresso no dia 18, o Diretor de Regulação do Banco Central, Otávio Damaso, anunciou a entrada em vigor do “Open Banking” para meados de 2021, começo de 2022; trata-se de uma ferramenta que vai permitir às pessoas movimentarem suas contas a partir de diferentes plataformas e não só pelo aplicativo ou site de um determinado banco. Enquanto que a palestra do economista Thiago Coraucci ocupou-se do tema “panorama econômico 2019-2020”, com dados e projeções estatísticas atualizadas em torno das tendências da economia do nosso País neste e no próximo ano. Thiago considera que, embora o Brasil tenha uma agenda econômica muito positiva, o crescimento ainda é baixo.

O XIV Congresso Nacional Brasileiro de Fomento Comercial, também contou com a presença do jurista Ives Gandra Martins, que falou sobre a Conjuntura Institucional do Brasil e chamando atenção para abordagem que alguns órgãos e a imprensa têm dado ao atual momento do país.

A palestra do Senador Jorginho Mello, do PL-SC, agradou ao público pela objetividade de sua exposição sobre o atual cenário político brasileiro. Já a Diretora de Inteligência Financeira do COAF, Ana Amélia Olczewski, falou sobre o que vem sendo feito para prevenir e combater a lavagem de dinheiro e corrupção no Brasil.

O painel sobre “Inovações Tecnológicas e o Mercado de Recebíveis” contou com mediação do Dr. José Luis Dias da Silva, consultor jurídico da ANFAC e ANESC, com participação de Edson Luiz dos Santos, ex-presidente da Associação Brasileira das Empresas de Cartões de Crédito e Serviços (Abecs) e sócio fundador da Co.Link Business Consulting; Fábio Lacerda Carneiro, chefe da Divisão de Planejamento de Resoluções do Banco Central, em São Paulo; Giancarllo Melito, advogado da Barcelos Tucunduva Advogados; e José Luiz Rodrigues, consultor e sócio fundador da JL Rodrigues, Carlos Atila & Consultores Associados.

A última palestra do XIV Congresso Nacional Brasileiro de Fomento Comercial contou com o palestrante motivacional Clovis Tavares, que apresentou uma performance divertida para mostrar aos participantes “Como Transformar Desafios em Oportunidades”.

– Fonte: ANFAC